Segunda-feira, Maio 20, 2024

Top 5 This Week

Related Posts

ūüźē Dicas para ter um c√£o!

Como encontrar um c√£o para si

Ter um c√£o novo √© um evento emocionante para si e para todas as pessoas da sua fam√≠lia. Est√° a trazer para casa um novo membro da fam√≠lia e amigo, mas tamb√©m est√° a dar a um c√£o sem casa uma segunda chance de viver uma vida cheia de entretenimento, seguran√ßa e carinho. Com o aumento da popula√ß√£o de animais sem-abrigo, a ado√ß√£o de c√£es √© uma das coisas mais simp√°ticas que um amante de c√£es pode fazer. Ao mesmo tempo, trazer para casa um novo c√£o pode exigir alguns ajustes. √Č normal que os animais passem v√°rias semanas adaptando-se aos seus novos donos e lares, especialmente se houver outros animais presentes. Felizmente, h√° algumas coisas que pode fazer para tornar o processo de ado√ß√£o de um novo c√£o e trazer para casa esse c√£o muito mais f√°cil.

Passar tempo com o seu novo c√£o no canil

Se est√° a receber um c√£o de um abrigo, canil¬† ou organiza√ß√£o de resgate, deve ter em mente que os c√£es em abrigos geralmente est√£o assustados e podem ser reservados no in√≠cio. Por esta raz√£o, √© importante visitar um abrigo ou organiza√ß√£o de resgate, v√°rias vezes antes de adotar o seu c√£o. Vai querer conhecer o seu c√£o; muitas vezes, os abrigos deixam-no sair e levar o c√£o para passear nos terrenos pr√≥ximos. Vai querer descobrir como o c√£o reage a voc√™, o seu n√≠vel de energia e a sua habilidade de estar calmo ao redor de outras pessoas ou outros animais. √Č claro que muitos padr√Ķes de comportamento em animais podem ser mudados com paci√™ncia e tempo, mas tamb√©m quer ter certeza de que h√° uma conex√£o entre voc√™ e o animal.

Faça uma Consulta com um Veterinário

Assim que tiver o seu novo c√£o, deve marcar imediatamente uma consulta com o seu veterin√°rio. Se este for o seu primeiro animal de estima√ß√£o, pode perguntar ao pessoal do abrigo ou da organiza√ß√£o de resgate se existe um veterin√°rio que possa ser recomendado para si. H√° duas raz√Ķes pelas quais isto √© importante. Primeiro, pode apresentar o seu animal de estima√ß√£o ao seu m√©dico de longo prazo, e pode ter registos m√©dicos acess√≠veis logo desde o in√≠cio da ado√ß√£o. Em segundo lugar, embora nem sempre seja assim, os c√£es nos abrigos podem transmitir doen√ßas porque est√£o pr√≥ximos uns dos outros em abrigos. Muitas vezes, essas doen√ßas podem ser curadas atrav√©s de cuidados adequados e vacinas, por isso √© melhor ter um profissional para examinar o seu novo animal de estima√ß√£o. No entanto, os animais de estima√ß√£o dos abrigos nem sempre s√£o portadores de doen√ßas. Na verdade, os abrigos s√£o normalmente muito cuidadosos com a vacina√ß√£o dos seus animais.

Mude gradualmente a comida do seu c√£o

Se este √© o seu primeiro animal de estima√ß√£o, voc√™ deve saber desde cedo que os animais n√£o respondem bem a mudan√ßas bruscas na dieta. Muitos veterin√°rios recomendam um kibble de alta qualidade para c√£es, para que estes possam ter uma vida longa e saud√°vel, mas mesmo melhorar a alimenta√ß√£o de um c√£o pode causar perturba√ß√Ķes digestivas tempor√°rias. Em vez disso, pode perguntar ao abrigo sobre a marca de comida que estava a ser dada ao seu animal antes da ado√ß√£o. Se puder, pode comprar um pequeno saco com essa mesma marca de comida, com um saco com a nova comida. Pode continuar a dar ao seu c√£o a sua comida antiga; depois, a meio do saco, pode come√ßar gradualmente a adicionar a nova comida em quantidades maiores at√© ficar sem a comida antiga. Nessa altura, o seu c√£o j√° est√° pronto para comer a sua nova comida.

Apresente o seu c√£o a sua casa

Como o seu c√£o estar√° sob algum stress depois de o adotar, ter√° de se certificar de que estabelece regras desde o in√≠cio. As regras da casa parecem bastante severas para os ouvidos humanos, mas para os c√£es, na verdade, √© muito calmante ter limites. N√£o deve dar ao seu c√£o a capacidade de reinar livremente quando ele ou ela p√Ķe a pata na porta pela primeira vez. Ao inv√©s disso, deve estabelecer a zona de “sair” dele ou dela muito antes de ele, ou ela voltar para casa. Isto pode ser perto do sof√°, do p√© da sua cama, ou at√© mesmo da cozinha. Qualquer lugar onde o seu c√£o possa descansar em seguran√ßa e em sil√™ncio est√° bem. Ao entrar na sua casa, vai querer ter certeza de que entrar√° primeiro e que o seu novo c√£o o seguir√°. Pode apresent√°-lo ao local seguro e fazer com que o c√£o relaxe um pouco, antes de o levar para casa. Isto ir√° ensinar imediatamente ao c√£o que √© a sua casa, e ele ou ela n√£o pode fugir com comportamentos tais como marcar territ√≥rio dentro de casa.

Passe tempo sozinho com o seu novo c√£o

Talvez a parte mais importante conseguir arranjar um novo cão e trazê-lo para casa seja passar muito tempo com o seu novo companheiro. Deve certificar-se de que passa muito tempo sozinho com o seu novo companheiro. Pode levá-lo a passear ou ao parque de modo a estabelecer uma relação de confiança. Se tiver outros animais, tem de ter cuidado para não os negligenciar em favor do novo cão. Após alguns dias, pode integrar o seu cão nos seus passeios com os seus outros cães ou apresentar o seu novo animal de estimação aos outros animais de estimação da sua casa.

Embora conseguir um cão novo possa ser divertido e excitante para si e para os seus familiares, é sempre bom seguir algumas dicas antes de adotar o seu animal de estimação e trazê-lo para casa. O objetivo de todas estas dicas são ajudá-lo a estabelecer uma relação saudável com o seu animal de estimação desde o primeiro dia. Não há razão para você ter um cão com características de comportamento destrutivas, especialmente se você estabelecer limites e bons hábitos desde o primeiro dia. Deve sempre certificar-se de que conhece o seu cão antes de o trazer do abrigo para casa. Igualmente importante, deve lembrar-se de marcar uma consulta com o seu veterinário assim que se tornar o dono do seu novo cão.

mariana
Latest posts by mariana (see all)

DEIXE UMA RESPOSTA

Por favor digite seu coment√°rio!
Por favor, digite seu nome aqui

Popular Articles