O Presidente mais popular dos Estados Unidos da América era um homem tido como detentor de uma grande visão que é, ainda hoje, uma fonte inspiradora. Mas por detrás da determinação e carisma, John F. Kennedy era um homem de contradições. JFK era um sábio e cauteloso líder que, nos bastidores, viveu a sua vida pessoal no limite e que transparecia a imagem de uma pessoa saudável, quando mantinha uma luta constante contra a ausência da mesma.

Existem sete dias cruciais que irão alterar a imagem que temos deste memorável presidente: momentos de crise, situações em que teve de se insurgir e decidir o seu próprio futuro e o da sua nação: o dia em que salvou a arrasada tripulação da patrulha marítima na II Guerra Mundial e se tornou num herói americano; o debate televisivo com Nixon que o catapultou para a vitória nas eleições e revolucionou a era televisiva; a célebre atuação de Marilyn Monroe no seu aniversário que colocou em risco a sua carreira política; a crise dos mísseis de Cuba, na qual evitou que o mundo mergulhasse numa guerra nuclear; o dia em que lutou pelos direitos cívicos e, como não podia deixar de ser, o fatídico dia do seu assassinato.

Uma série documental que reúne testemunhos de amigos e colegas de John F. Kennedy, assim como de conceituados historiadores, raras imagens de arquivo e dramáticas reconstruções destes acontecimentos que mudaram o mundo para sempre.

Quarta-feira, dia 5 de agosto, às 00h05, na RTP2

Uma série documental sobre sete momentos cruciais que moldaram a história de um homem que se tornou num ícone do século XX: John F. Kennedy.

Título Original:JFK: Seven Days That Made a President

Ano:2013